Após impeachment, Blagojevich vira âncora de rádio

O ex-governador de Illinois, Rod Blagojevich, que perdeu o cargo após sofrer um processo de impeachment, tornou-se âncora de um programa de rádio em Chicago. Em seu programa desta quarta-feira, Blagojevich disse que foi "sequestrado" do cargo. O ex-governador foi afastado em janeiro, após ser acusado de tentar vender a vaga no Senado até então ocupada pelo agora presidente Barack Obama, entre outras irregularidades.

AE-AP, Agencia Estado

25 de março de 2009 | 18h21

No programa da emissora WLS-AM, Blagojevich criticou os congressistas que o tiraram do cargo após sua prisão, por acusações federais. Ele sugeriu que os parlamentares apenas o queriam fora do posto para poder aumentar os impostos. Seu sucessor, o governador Pat Quinn, quer aumentar o imposto de renda em 50%, como forma de sanar um déficit de US$ 11,5 bilhões. Blagojevich argumentou que isso seria o pior que Illinois poderia fazer, pois prejudicaria os pequenos negócios.

Os promotores têm até 7 de abril para conseguir o indiciamento formal de Blagojevich ou deverão batalhar por um prazo maior para isso. O ex-governador comentou também sobre o livro que prepara, mas admitiu que até agora tem apenas poucas páginas escritas.

Tudo o que sabemos sobre:
EUAIllinoisRod Blagojevich

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.