Após inundação em mina, 29 operários chineses são resgatados com vida

China tem histórico ruim em relação a acidentes em jazida; em 2009, foram mais de 2.600 mortos

Reuters

22 de novembro de 2010 | 08h22

Equipes de resgate colocam mineiro em maca após salvamento.

 

PEQUIM - Equipes de resgate retiraram nesta segunda-feira com vida todos os 29 mineiros presos em uma mina de carvão por causa de uma inundação no sudoeste da China, uma rara notícia em um país que tem um histórico terrível de desastres com mineiros.

A televisão estatal transmitiu imagens ao vivo dos mineiros sendo retirados em macas e colocados em ambulâncias depois de passarem mais de 24 horas na mina, no município de Weiyuan, na província chinesa de Sichuan.

Treze dos mineiros conseguiram escapar imediatamente depois que águas das enchentes atingiram a mina de carvão no domingo.

O sucesso no resgate é um estímulo para a indústria mineira chinesa, considerada a mais perigosa do mundo em razão da falta de padrões de segurança e à corrida para suprir a crescente demanda da economia.

Mais de 2.600 pessoas morreram em acidentes em minas de carvão na China apenas em 2009.

Tudo o que sabemos sobre:
Chinamineirosmina

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.