Após recaída, quadro de saúde de Ariel Sharon é estável

O estado de saúde do ex-premiê israelense, Ariel Sharon, de 78 anos, se mantém estável neste sábado, um dia depois de sua transferência para a unidade de terapia intensiva (UTI) do Hospital Sheba Medical Center, próximo a Telavive, em decorrência de uma infecção cardíaca. Sharon está em coma desde janeiro quando sofreu um derrame. Em agosto, ele já havia passado duas semanas na UTI depois de uma pneumonia. Após o derrame, ele foi sucedido no cargo pelo então vice-premiê, Ehud Olmert, depois eleito primeiro-ministro em março. O ex-premiê entrou em coma alguns meses depois de retirar colonos judeus da Faixa de Gaza e partes da Cisjordânia, medida que desagradou e levou ao rompimento de Sharon com seu antigo partido, o Likud. Depois disso ele fundou um novo partido, o Kadima (Avante), com o qual disputaria as eleições de março.

Agencia Estado,

04 Novembro 2006 | 17h07

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.