Após saída de Mbeki, 10 ministros renunciam

Após a renúncia do presidente sul-africano, Thabo Mbeki, no domingo, dez ministros renunciaram a seus cargos ontem. Analistas temem que a queda de todo o ministério leve o país a uma crise política. O ministro das Finanças, Trevor Manuel, o mais popular do gabinete, porém, afirmou estar à disposição da nova administração, caso seja chamado.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.