Apple investiga falhas em seu sistema operacional

A Apple Computer confirmou nesta sexta-feira que está investigando vários problemas de segurança, alguns deles considerados graves, em seu sistema operacional Mac OS X. Trata-se de sete erros que podem favorecer um ataque remoto contra os computadores que utilizem este sistema operacional, segundo o especialista que os descobriu, Tom Ferris. Bud Tribble, um dos vice-presidentes da companhia, reconheceu a gravidade desses erros, mas ressaltou que Apple não tem registro de que tenha ocorrido qualquer ataque aproveitando tais falhas. Cinco dos erros identificados por Ferris se referem ao modo em que Mac OS maneja vários formatos de imagens, incluindo os das extensões BMP, TIFF e GIF. Outro problema está na maneira com que o OS X descomprime os arquivos Zip, enquanto outra das falhas ocorre no navegador de internet Safári. A companhia de Cupertino, no Vale do Silício, criticou a divulgação desses erros, já que os hackers poderiam se aproveitar disso. "Achamos que, geralmente, as pessoas que precisam conhecer esses problemas são as que podem solucioná-los", disse Tribble em declarações à News.com. Os problemas, no entanto, não são motivos de piada. A companhia de segurança Secunia considerou os erros entre "muito críticos" e "críticos", e recomendou aos usuários do sistema operacional da Apple que não visitem sites não confiáveis e não abram arquivos Zip ou imagens de procedência suspeita.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.