Orlando Sierra/AFP
Orlando Sierra/AFP

Apresentador de televisão é assassinado em Honduras

Âncora de programa de entretenimento morreu na companhia de seu guarda-costas e outra pessoa

Ansa,

23 de abril de 2012 | 17h25

TEGUCIGALPA - Um apresentador de televisão e dois acompanhantes foram assassinados nesta segunda-feira, 23, em Tegucigalpa por pessoas ainda desconhecidas quando deixavam as instalações do canal local Maya TV, informou a polícia de Honduras.

 

Veja também:

blog Iraque é o país com maior índice de impunidade contra jornalistas

 

O âncora do programa de entretenimento "El Tecolote", Noel Alexander Valladares , morreu na companhia de seu guarda-costas e de outra pessoa após serem alvo de tiros. Uma mulher ficou ferida por conta dos disparos.

 

Testemunhas apontam que as vítimas encontravam-se em um carro quando foram interceptadas por um grupo em uma caminhonete de luxo que portava coletes à prova de bala e armas de grande calibre. Nos últimos dois anos, pelo menos 20 jornalistas foram assassinados, sendo que a maioria dos crimes continua impune.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.