Árabes apoiam decisão palestina de parar negociação

Chanceleres árabes manifestaram hoje apoio à decisão palestina de suspender as negociações diretas de paz com Israel se não houver uma paralisação total das obras em assentamentos judaicos na Cisjordânia ocupada.

AE-AP, Agência Estado

08 de outubro de 2010 | 17h37

Na mesma declaração, porém, os ministros de Relações Exteriores dos países da Liga Árabe reunidos em Sirte, na Líbia, informaram que dariam aos Estados Unidos mais um mês de prazo para buscar meios de romper o impasse.

A declaração de apoio dos países árabes aos palestinos ocorre em um momento no qual o governo norte-americano busca evitar o colapso das negociações diretas de paz, retomadas em setembro, pelo fato de Israel ter deixado expirar um embargo de dez meses imposto às obras nas colônias judaicas.

Tudo o que sabemos sobre:
pazIsraelpalestinosobrasassentamentos

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.