Arábia Saudita diz que dois oficiais foram mortos em conflitos no Iêmen

O governo da Arábia Saudita afirmou que uma troca de tiros com rebeldes xiitas do Iêmen matou um comandante e um soldado do exército do país. O porta-voz do Ministério do Interior, Mansour al-Turki, disse que os oficiais foram mortos por fogo pesado vindo de dentro do Iêmen. Quatro outros soldados foram também ferido, acrescentou.

AE, Estadão Conteúdo

26 Setembro 2015 | 08h49

A Arábia Saudita vem lutando contra os rebeldes no Iêmen há seis meses e lidera uma coalizão de países árabes em uma campanha militar para restaurar o governo em Riad. No Iêmen, as forças do presidente reconhecido internacionalmente, Abed Rabbo Mansour Hadi, enfrentam os houthis e as tropas leais ao ex-presidente Ali Abdullah Saleh. Fonte: Associated Press.

Mais conteúdo sobre:
Arábia Saudita Iêmen conflito

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.