Arábia Saudita diz que não ajuda a atacar o Iraque

A Arábia Saudita, aliada-chave dos Estados Unidos, não permitirá que os norte-americanos usem bases em território saudita para um ataque contra o vizinho Iraque, mesmo que a ação seja aprovada pela Organização das NaçõesUnidas (ONU), disse o chanceler saudita, Saud al-Faiçal, em entrevista divulgada neste domingo pela TV CNN."Vamos aceitar a decisão do Conselho de Segurança da ONU e cooperar com ele", disse Faiçal. "Mas quanto a entrar no conflito ou ao uso de nossas instalações, isso é outra coisa."

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.