Arábia Saudita vê acordo com Irã como 'primeiro passo'

A Arábia Saudita demonstrou cautela com o acordo entre o Irã e o grupo de potências formado por Alemanha, China, Estados Unidos, França, Grã-Bretanha e Rússia. Na avaliação de Riad, o acordo é um "primeiro passo" em direção a uma solução mais abrangente sobre o futuro do programa nuclear iraniano.

AE, Agência Estado

25 de novembro de 2013 | 12h57

A primeira reação oficial da Arábia Saudita consta de uma nota do gabinete de governo distribuída pela agência estatal de notícias Saudi Press.

Segundo o governo saudita, o acordo será um "bom primeiro passo" se houver "boa vontade" dos envolvidos e poderá ser considerado "abrangente" se, no futuro, tornar o Oriente Médio uma região livre de armas de destruição em massa - numa alusão aos arsenais de Israel.

Antes do acordo, a Arábia Saudita vinha demonstrando desconforto com a abertura de seu principal aliado externo, os Estados Unidos, ao Irã.

Mais cedo, os governos de Qatar, Bahrein, Kuwait e Emirados Árabes Unidos divulgaram nota saudando o acordo. Fonte: Associated Press.

Mais conteúdo sobre:
IRÃnuclearArábia Saudita

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.