Arafat está disposto a um cessar fogo imediato

O líder palestino Yasser Arafat afirmou hoje estar disposto a um cessar fogo ?imediato e incondicional?. As declarações foram feitas um dia após uma explosão em frente a uma discoteca em Tel Aviv, que matou 17 pessoas e deixou centenas de feridos. ?Estamos dispostos a fazer todos os esforços possíveis para acabar com o derramamento de sangue de nosso povo e dos israelenses?, afirmou Arafat.O primeiro ministro de Israel, Ariel Sharon, anunciou há algumas semanas que iniciaria uma trégua e pedia aos palestinos para que fizessem o mesmo. Os palestinos, no entanto, não deram importância ao gesto de Sharon, afirmando que a violência só terminará quando Israel suspender o bloqueio das áreas palestinas e deter a expansão dos assentamentos.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.