Argélia pede reunião do Conselho de Segurança da ONU

Segundo um comunicado divulgado nesta sexta-feira pelo Ministério de Relações Exteriores argelino, Yucef Yusfi, embaixador da Argélia nas Nações Unidas, apresentou a reivindicação ao Conselho de Segurança em nome dos países árabes."As Nações Unidas devem reagir com o maior vigor a este caso de violação da soberania de um país e de um povo e têm o dever de intervir imediatamente para deter a agressão israelense", diz a mensagem enviada por Argel aos membros do Conselho de Segurança.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.