Argentina ainda negocia com 9 governadores peronistas

Cinco dos 14 governadores do Partido Justicialista (Peronista) assinaram o novo acordo de partilha da receita de impostos com o governo federal, informou um porta-voz do chefe de Gabinete Chrystian Colombo. Representantes das demais províncias comandadas pelos peronistas participarão de uma série de encontros hoje, enquanto o governo se esforça para trazê-los para o seu lado, disse o porta-voz. As províncias peronistas que assinaram o acordo são: Misiones, Formosa, Tucuman, Jujuy e La Rioja. Incluindo esses 5 governadores peronistas, 15 províncias no total já aderiram ao pacto. A negociação da partilha da receita de impostos envolveu as 23 províncias do país, mais a prefeitura da cidade de Buenos Aires. Dos 24 líderes desses distritos, os nove governadores da coalizão Aliança e um governador independente haviam assinado o acordo na semana passada. O governo deve agora tentar alcançar um consenso com os 9 governadores peronistas restantes, que comandam três das maiores províncias do país, Buenos Aires, Córdoba e Santa Fé. As informações são da Dow Jones.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.