Argentina perde controle sobre déficit fiscal

Dados provisórios do Ministério da Economia indicam que o déficit fiscal argentino de abril chegou a US$ 1,038 bilhão. Desta forma, nos primeiros quatro meses do ano o déficit acumulado seria de US$ 4,1 bilhões. Isso é equivalente a 64% de todo o déficit fiscal previsto para este ano, que é de US$ 6,5 bilhões.Com esta limitação, o governo não poderá ter um déficit superior a US$ 2,34 bilhões entre maio e dezembro. Os economistas consideram que esta será uma "missão quase impossível", se for levado em conta que a média mensal do déficit nos primeiros quatro meses foi de US$ 1,040 bilhão, e que para os oito meses restantes a média não poderá ultrapassar a linha de exíguos US$ 292 milhões.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.