Argentina vai adotar horário de inverno

O subsecretário de Energia da Argentina, Alejandro Gallino, informou que os relógios de seu país serão atrasados em uma hora no próximo dia 24, com o objetivo de poupar energia elétrica.Buenos Aires passará a ficar uma hora atrás do horário de Brasília.Segundo Gallino, a decisão se baseou na necessidade de "tirar vantagem da luz do Sol e poupar energia".A Argentina não adotava mudanças em seu fuso horário há vários anos, devido à oposição das empresas do setor elétrico e a pressões políticas.No ano passado, o presidente Fernando de la Rúa havia assinado um decreto instituindo o "horário de inverno", mas a medida foi contestada na Justiça.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.