Aristide abandona o Haiti

O Presidente do Haiti, Jean-Bertrand Aristide, deixou o país. Aristide cedeu à rebelião que já cercava a capital, Porto Príncipe, e à pressão internacional para que deixasse o poder. A informação é do ministro haitiano Leslie Voltaire, confirmada por três outras fontes.Voltaire disse que Aristide, o primeiro presidente eleito livremente no Haiti, partiu para a República Dominicana e buscará asilo político no Marrocos, Taiwan ou Panamá.O presidente parte no momento em que forças rebeldes se encontram a menos de 40 km da capital, que ameaçavam invadir se Aristide continuasse na presidência.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.