Armas dos EUA são ferramenta de terror, diz Irã

O aiatolá Ali Khamenei, líder supremo do Irã, disse durante uma conferência sobre desarmamento nuclear em Teerã que as bombas atômicas dos Estados Unidos são uma ferramenta de terror e intimidação. Segundo Khamenei, os norte-americanos agem de forma enganosa ao pedir a não-proliferação dessas armas e, ao mesmo tempo, mantê-las em seu arsenal.

AE-AP, Agência Estado

17 de abril de 2010 | 10h41

Segundo a mídia iraniana, a conferência de dois dias em Teerã reuniu representantes de 60 países, assim como delegados de organismos internacionais e de organizações não-governamentais. Na semana passada, os Estados Unidos organizaram uma cúpula semelhante, que teve a presença de 47 países. A Casa Branca não convidou o Irã para o evento.

Tudo o que sabemos sobre:
EUAIrãprograma nuclear

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.