Artista faz depósito para contestar multa

O artista plástico Ai Weiwei depositou ontem US$ 1,3 milhão - arrecadado por simpatizantes - em uma conta do governo chinês como condição para contestar a multa de US$ 2,4 milhões que lhe é cobrada por suposta sonegação fiscal e deveria ser paga até hoje. O advogado de Ai Weiwei, Pu Zhiqiang, vai sustentar que o processo que levou à cobrança dos US$ 2,4 milhões não foi transparente nem justo.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.