As 7 propostas de Arias:

Regresso: Restituição de Zelaya e sua permanência na Presidência até o fim do mandato, em 27 de janeiroTransição: Formação de um governo transitório de reconciliação nacional formado por representantes dos principais partidos políticosPerdão: Anistia para crimes políticos cometidos antes e depois do golpe do dia 28Eleição: Antecipação das eleições presidenciais de 29 de novembro para 25 de outubro Recuo: Não realização da consulta popular que havia sido proposta por Zelaya antes do golpe na qual os hondurenhos opinariam sobre a possibilidade de mudanças na ConstituiçãoMilitares: Subordinação das Forças Armadas ao Superior Tribunal Eleitoral um mês antes das eleiçõesMonitoramento: Criação de uma comissão de personalidades hondurenhas e membros de organismos internacionais, entre eles observadores da OEA, para fiscalizar o cumprimento do acordo

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.