Ásia não pode crescer explorando recursos naturais, diz ONU

A Comissão Econômica e Social das Nações Unidas para a Ásia-Pacífico (Cesap) avisou nesta sexta-feira, 9, que um crescimento econômico da região baseado na exploração dos recursos naturais não poderá se manter por muito mais tempo.Segundo a Cesap, com sede em Bangcoc, a economia da região deve crescer 7,3% em 2007.Em comunicado, o secretário-executivo do órgão, Kim Hak-Su, pediu aos governos dos países da Ásia e Pacífico que adotem estratégias de desenvolvimento sustentável, para minimizar os efeitos da exploração maciça dos seus recursos."Uma estratégia de desenvolvimento sustentável deve ser a base dos planos econômicos de todos os países", afirmou.Num relatório recente, a Cesap ressaltou que os países da Ásia e do Pacífico "já vivem além de sua capacidade ecológica", e recomendou que abandonem o atual modelo, baseado na idéia de "primeiro crescer, depois limpar".

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.