Assad diz que apoio a grupos opositores deve acabar

A emissora estatal de televisão informou que o presidente Bashar Assad disse ao enviado da Liga Árabe, Lakhar Brahimi, que o apoio estrangeiro a grupos armados de oposição deve terminar para que uma solução política para o conflito no país tenha sucesso.

Agência Estado

30 de outubro de 2013 | 11h21

A televisão Al-Ikhbariya citou Assad dizendo a Brahimi, durante encontro nesta quarta-feira em Damasco, que o "povo sírio, sozinho, tem o direito de traçar o futuro da Síria e qualquer solução deve ser aprovada por ele".

Brahimi está em Damasco para tentar salvar os hesitantes esforços políticos para convocar uma conferência internacional de paz, com o objetivo de discutir uma solução política para a guerra civil na Síria.

As perspectivas para a conferência não são boas. A oposição síria continua profundamente dividida sobre se participará ou não do encontro, enquanto o governo recusa-se a sentar para negociar com a oposição armada. Fonte: Associated Press.

Tudo o que sabemos sobre:
SíriaAssadLiga Árabeencontro

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.