Assad: Síria recebeu carregamento de mísseis russos

A Síria recebeu um primeiro carregamento de mísseis russos, afirmou nesta quinta-feira, 30, o presidente sírio, Bashar Assad, ao canal de televisão libanês Al-Manar, de propriedade do grupo Hezbollah. Os mísseis recebidos seriam de longo alcance e com capacidade para atacar vários alvos simultaneamente, o que capacita o governo da Síria a realizar ataques aéreos a países vizinhos.

AE-AP, Agência Estado

30 Maio 2013 | 11h10

Se confirmado, o envio de mísseis russos ao país deve aumentar a tensão na região e minar os esforços da ONU para uma resolução do conflito.

Nessa segunda-feira, a União Europeia eliminou um embargo de armas à Síria, abrindo caminho para que os países europeus enviem armas aos opositores do regime de Assad. A Rússia, aliado declarado do governo sírio, criticou duramente a decisão do bloco, argumentando que a medida enfraquece os esforços internacionais para o fim das tensões no país.

Em mais de dois anos de conflito, cerca de 70 mil pessoas morreram na Síria. As informações são da Associated Press.

Mais conteúdo sobre:
Síriaviolência

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.