Assad vê possibilidade de negociação direta com Israel

O presidente da Síria, Bashar Assad, afirmou hoje que é possível que haja negociações diretas entre seu país e Israel. Para Assad, apenas as negociações indiretas não são capazes de levar à paz os dois inimigos. O presidente sírio falou em entrevista coletiva, durante visita do presidente croata, Stjepan Mesic, a Damasco. Assad comparou o processo de paz à construção de um prédio, apontando que agora Síria e Israel "estão estabelecendo as fundações" nas negociações indiretas, mediadas pela Turquia.Neste ano foram mantidas quatro rodadas de negociações indiretas. Elas foram suspensas após o primeiro-ministro israelense, Ehud Olmert, anunciar que deixará o cargo. Olmert foi forçado a renunciar após ser envolvido em vários casos de corrupção. Desde então não foram estabelecidas novas datas para as negociações indiretas. Assad não disse quando essa modalidade de negociação será retomada.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.