Assange assinou contrato de R$ 2,5 milhões por autobiografia

O fundador do WikiLeaks, Julian Assange, revelou neste domingo, 26, no jornal britânico Sunday Times que assinou um contrato de cerca de um milhão de libras (aproximadamente R$ 2,5 milhões) pela sua autobiografia, informa a agência de notícias portuguesa RTP.

26 de dezembro de 2010 | 04h32

Julian Assange disse ao jornal que esta soma o ajudará a defender-se contra as acusações de agressões sexuais apresentadas por duas mulheres na Suécia. "Não quero escrever este livro mas devo fazê-lo", disse.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.