Assembleia californiana aprova bolsa de estudo a ilegais

A Assembleia Legislativa da Califórnia aprovou nesta sexta-feira um projeto de lei por meio do qual autoriza a liberação de crédito educativo e bolsas de estudo a estudantes universitários estrangeiros sem autorização para residir nos Estados Unidos.

Agência Estado

02 Setembro 2011 | 20h44

O projeto de lei, conhecido como Dream Act, foi aprovado com 45 votos a favor e 27 contra pela Assembleia apenas dois dias depois de ter passado no Senado estadual.

Agora a proposta será encaminhada ao gabinete do governo Jerry Brown. Se sancionada, a lei permitirá que, a partir de janeiro de 2013, imigrantes sem autorização para morar no país tenham acesso a bolsas de estudo e a crédito educativo para estudar na Califórnia.

"Os legisladores da Assembleia demonstraram seu compromisso em ajudar a desenvolver os futuros arquitetos, doutores, professores, cientistas e especialistas fundamentais ao sucesso econômico da Califórnia", declarou por meio de nota o deputado estadual Gil Cedillo, autor da medida. As informações são da Associated Press.

Mais conteúdo sobre:
EUA Califórnia imigrantes ilegais

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.