Assembléia Geral da ONU começa amanhã em NY

Com medidas de segurança sem precedentes, numa cidade estremecida pelo terror, mais de 40 governantes mundiais vão se reunir em Nova York neste sábado para analisar um novo cenário global, dominado pela guerra contra o terrorismo. O presidente norte-americano, George W. Bush, declarou, nesta semana, que, em seu primeiro discurso na Assembléia Geral da ONU se dirigirá às nações que fazem parte da coalizão internacional para combater o terrorismo, indicando-lhes que "chegou o momento de entrar em ação".Bush está entre os mais de 40 chefes de governo que farão discursos este ano, no âmbito do debate geral da Assembléia Geral da ONU. Pela primeira nos 56 anos de história das Nações Unidas, a sessão deste ano foi adiada, por causa dos atentados terroristas nos Estados Unidos. O presidente do Brasil, Fernando Henrique Cardoso, fará seu discurso amanhã.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.