Assessor de Bin Laden é acusado de terrorismo

O responsável pela estratégia midiática de Osama Bin Laden, Khaled al-Fawwaz, extraditado da Grã-Bretanha para os Estados Unidos na semana passada, é acusado de terrorismo, segundo a rede BBC. De acordo com a rede britânica, o suspeito atuava abertamente em Londres como uma espécie de assessor de imprensa, distribuindo comunicados e pronunciamentos em nome do grupo e marcando entrevistas, incluindo contatos com o próprio Bin Laden. Nascido no Egito, ele se naturalizou britânico.

O Estado de S.Paulo

11 de outubro de 2012 | 03h11

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.