Nasa TV
Nasa TV

Astronautas deixam estação espacial para evitar choque com lixo

Forçados a sair, tripulantes seguiram para a espaçonave Soyuz; segundo o controle espacial russo, incidente não representa emergência

AE

28 de junho de 2011 | 11h04

MOSCOU - Os seis tripulantes da estação espacial internacional (ISS, na sigla em inglês) foram forçados nesta terça, 28, a deixar o local e seguirem para a espaçonave de resgate Soyuz, por causa de entulho espacial que se aproximava rapidamente, informou a agência russa Interfax.

"O lixo espacial foi detectado muito tarde para uma manobra", explicou a agência, citando uma fonte não identificada do setor espacial russo.

"Os seis tripulantes da ISS receberam instruções para se transferir para os veículos da Soyuz", acrescentou a fonte. Um funcionário do controle espacial russo afirmou por telefone que esses incidentes já ocorreram antes e não representam uma emergência.

"Se isso for verdade, eles serão seguidos pelo procedimento normal para esvaziar a estação se necessário", afirmou uma porta-voz do controle da missão. "Esta não é uma operação de emergência. Eles têm instruções estabelecidas para isso", explicou.

Não está ainda claro quando o lixo espacial deve se aproximar da estação, nem quando precisamente ele foi detectado. A tripulação é formada por três russos, dois norte-americanos e um japonês. Em março de 2009, três tripulantes tiveram de deixar por um curto período a estação espacial pelo mesmo motivo. As informações são da Dow Jones.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.