Ataque a ato de campanha de Assad deixa 39 mortos

Um atentado contra um comício político em favor do presidente Bashar Assad deixou 39 mortos e 205 feridos na Síria, informou a emissora estatal de televisão do país.

AE, Agência Estado

23 Maio 2014 | 17h45

Imagens exibidas pelo canal mostravam pessoas dançando durante o comício em Deraa, no sul sírio. O local teria sido atingido por um morteiro. Há crianças entre as vítimas.

Grupos de oposição disseram que o atentado deixou pelo menos 21 mortos.

Trata-se do primeiro ataque a um comício eleitoral no âmbito da campanha à presidência. A eleição está marcada para 3 de junho. Fonte: Associated Press.

Mais conteúdo sobre:
Síria violência campanha eleição

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.