Ataque à bomba mata três ministros na Somália

Um ataque à bomba matou hoje nove pessoas na Somália. O coronel Abdilahi Hassan Barise, um porta-voz policial, disse que os ministros da Educação, Educação Superior e da Saúde estavam entre os mortos. A violência ocorreu durante uma cerimônia de graduação em uma universidade. O evento, em um hotel da capital Mogadiscio, marcava a graduação de alunos de Medicina, Ciências da Computação e Engenharia.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.