Ataque à igreja católica deixa dezenas de mortos na Nigéria

Ainda não se sabe quem são os responsáveis pelo atentado, que deixou ao menos 20 mortos

Agência Ansa, ANSA

06 de agosto de 2017 | 09h02

ROMA - Um ataque de homens armados à igreja católica St. Philips, em Ozubulu, cidade no estado de Anambra, no sul da Nigéria, deixou dezenas de mortos neste domingo, 6, informam os jornais locais.

A ação teria acontecido pouco antes das 6h (horário local) enquanto estava sendo celebrada uma missa. De acordo com o jornal "Nigeria Newspaper", o grupo primeiro assassinou um "homem rico e conhecido entre a população" e depois abriu fogo contra os fiéis que estavam na celebração. 

A emissora "Channels TV" informa que há ao menos 20 mortos enquanto o "Daily Post" diz que ao menos 50 pessoas faleceram.    Ninguém reivindicou a ação.   

O chefe da polícia do estado de Anambroa, Garba Baba Umar, confirmou o atentado, mas informou que não se sabe ainda quem cometeu o crime. Já o governador Willie Obiano está indo ao lugar do ataque para prestar apoio aos sobreviventes. /ANSA

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.