Ataque a posto policial deixa 4 mortos no Paquistão

Um ataque suicida com carro-bomba atingiu um posto policial nesta segunda-feira na cidade de Peshawar, no noroeste do Paquistão, matando quatro pessoas e destruindo o edifício. Foi o quinto ataque suicida em oito dias a abalar a cidade de 2,5 milhões de habitantes, na extremidade do cinturão tribal paquistanês, onde os militares realizam uma grande ofensiva contra os combatentes taleban.

AE-DOW JONES, Agencia Estado

16 Novembro 2009 | 04h07

Em sete ataques suicidas, foram mortas 93 pessoas em oito dias na região, que está próxima da fronteira com o Afeganistão, onde 100 mil militares dos EUA e da Organização do Tratado do Atlântico Norte (Otan) combatem uma crescente insurgência taleban.

Nesta segunda-feira, os explosivos colocados dentro do veículo também danificaram uma mesquita próxima e derrubaram parte de um colégio masculino, de acordo com as testemunhas. Segundo Sahib Zada Anis, chefe da administração local, três pessoas morreram no local do atentado e outra no hospital. "Há 26 feridos", afirmou. As informações são da Dow Jones.

Mais conteúdo sobre:
Paquistão violência

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.