George Ourfalian/Reuters
George Ourfalian/Reuters

Ataque aéreo mata ao menos 30 na Síria, dizem ativistas

Rebeldes atribuem ataque a forças leais ao presidente

AE, Agência Estado

20 de setembro de 2012 | 11h48

Pelo menos 30 pessoas foram mortas e dezenas ficaram feridas em um posto de gasolina no norte da Síria nesta quinta-feira, após ataque aéreo atribuído ao governo por ativistas de oposição ao presidente Bashar Assad.

Em Londres, Rami Adul-Rahman, do Observatório Sírio para os Direitos Humanos, afirmou também que dezenas de pessoas ficaram feridas em uma explosão ocorrida na cidade de Ain Issa, a cerca de 40 quilômetros da fronteira com a Turquia. As informações são da Associated Press.

Tudo o que sabemos sobre:
Síriaviolência

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.