Ataque aéreo norte-americano mata três civis iraquianos

O Iraque informou que três civis foram mortos durante ataque aéreo promovido por aviões norte-americanos e britânicos na província de al-Anbar, a oeste de Bagdá, informou a Agência de Notícias Iraquiana. O local onde ocorreram as mortes é o mesmo onde os militares norte-americanos disseram ter realizado um ataque contra instalações militares iraquianas.Mais cedo, o Comando Central dos Estados Unidos havia informado que aviões da coalizão anglo-americana atacaram um suposto sistema móvel de mísseis terra-ar e uma bateria antiaérea 390 quilômetros a oeste de Bagdá, na província de Al-Anbar.Contudo, um porta-voz militar iraquiano disse que foi um ataque contra "instalações civis e de serviços".Aviões norte-americanos e britânicos patrulham as chamadas "zonas de exclusão aérea" no norte e no sul do Iraque desde o fim da Guerra do Golfo, em 1991, sob o pretexto de proteger das forças iraquianas a minoria curda no norte e os xiitas muçulmanos no sul.Recentemente, os Estados Unidos e a Grã-Bretanha intensificaram os ataques contra instalações de defesa aérea do Iraque e começaram a atacar supostas instalações de lançamentos de mísseis terra-terra, argumentando que eles ameaçam cerca de 230.000 soldados norte-americanos que estão no Kuwait, à espera de um possível ataque contra o Iraque.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.