Ataque com mísseis dos EUA mata cinco pessoas no Paquistão

Avião-espião lançou quatro mísseis, que caíram contra uma casa e causaram sua destruição, segundo canal de TV local

Efe,

03 de junho de 2012 | 03h27

 ISLAMABAD - Pelo menos cinco pessoas morreram neste domingo, 3, e três ficaram feridas em um ataque com mísseis perpetrado por um avião não tripulado dos Estados Unidos em uma zona tribal do noroeste do Paquistão, informa a imprensa local.

Segundo o canal privado "Geo TV", o ataque aconteceu no distrito de Barmal da região tribal do Waziristão do Sul, situada na fronteira com o Afeganistão.

De acordo com esta fonte, o avião-espião americano lançou quatro mísseis, que caíram contra uma casa e causaram sua destruição, além da morte de pelo menos cinco pessoas e ferimentos em outras três.

O Waziristão do Sul é uma das sete demarcações que formam o conflituoso cinturão tribal do Paquistão, reduto de uma gama enorme de facções talibãs e grupos jihadistas que operam em ambos os lados da fronteira entre Afeganistão e Paquistão.

Tudo o que sabemos sobre:
ataquemísseispaquistãoeua

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.