Ataque com morteiros mata adolescente no Paquistão

Uma série de morteiros atingiu um povoado no sudeste do Paquistão, antes do amanhecer desta segunda-feira, causando a morte de um adolescente de 14 anos e deixando feridas outras cinco pessoas da mesma família. Eles dormiam em sua casa em Mand, a 700 km de Quetta, quando 18 morteiros atingiram a residência.As autoridades locais dizem que os morteiros foram lançados de cima de montanhas que rodeiam o povoado, mas não há informações sobre os autores dos disparos. O provável alvo do ataque era uma base paramilitar no povoado. Mand fica próximo à fronteira com o Irã. O Paquistão têm deslocado paramilitares para a região para inibir a ação de contrabandistas.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.