Ataque coordenado mata 57 pessoas em praça de Bagdá

Pelo menos 57 pessoas morreram e 151 ficaram feridas nesta terça-feira após duas explosões quase simultâneas em uma praça no centro de Bagdá. De acordo com a polícia, a maior parte das vítimas estavam reunidas no local em busca de empregos em obras de construção. O ataque coordenado envolveu dois carros-bomba. Um deles estava estacionado e o outro foi lançado por um suicida contra as pessoas que aguardavam na praça Tayaran. As explosões foram registradas por volta das 7 horas da manhã e, de acordo com a polícia, causaram o incêndio de outros 10 veículos.As explosões atingiram um setor próximo à chamada zona verde de Bagdá, onde está instalado o comando das tropas de coalizão, integradas por soldados dos Estados Unidos e do Reino Unido. A área é uma das mais vigiadas da cidade.Matéria atualizada às 08h15

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.