Ataque de insurgentes deixa ao menos 39 mortos na Nigéria

Ataque de insurgentes deixa ao menos 39 mortos na Nigéria

Entre as vítimas, 33 eram policiais e 6 soldados, enquanto 20 militantes também morreram na ofensiva em Damaturu

O Estado de S. Paulo

02 de dezembro de 2014 | 14h13

Um suposto ataque de insurgentes do Boko Haram em uma capital no nordeste da Nigéria matou ao menos 39 pessoas nesta segunda-feira, 2, informou uma fonte da área de Saúde nesta terça, dando um primeiro número para o total de mortos no incidente.

Entre as vítimas, 33 eram policiais e 6 soldados, enquanto 20 militantes também morreram na ofensiva em Damaturu, capital do Estado de Yobe. O total de mortos deve subir, uma vez que mais corpos ainda estavam chegando nesta terça, de acordo com a fonte.

Uma fonte local da área de segurança disse que os insurgentes levaram muitos dos mortos, enchendo quatro caminhonetes com corpos.

As Forças Armadas da Nigéria precisaram realizar ataques terrestres e aéreos para expulsar os insurgentes da cidade após o ataque.

Um ataque separado com bomba também na segunda-feira em Maiduguri, capital do Estado de Borno, matou ao menos cinco pessoas. / REUTERS

Tudo o que sabemos sobre:
Nigériaataque

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.