Hasham Ahmed/AFP
Hasham Ahmed/AFP

Ataque do Taleban contra universidade deixa ao menos 25 mortos no Paquistão

Atentado terrorista é o terceiro a acontecer no país desde quarta-feira da semana passada, 13

EFE, O Estado de S.Paulo

20 Janeiro 2016 | 06h52

ISLAMABAD - Pelo menos 25 pessoas, entre elas vários estudantes, professores e guardas de segurança, morreram nesta quarta-feira, 20, durante um atentado do Taleban contra uma universidade no norte do Paquistão, no qual dezenas de pessoas também ficaram feridas.

"Houve três explosões de granadas que deixaram 21 mortos confirmados, incluindo professores e estudantes. O exército tomou o edifício e continua as buscas por terroristas que podem estar escondidos", disse à Agência EFE o oficial de polícia Saeed Wazir.

O diretor-geral do escritório de relações públicas do exército paquistanês (ISPR, sigla em inglês), Asim Bajwal, informou no Twitter que seus "franco-atiradores mataram mais dois terroristas", o que eleva o número de insurgentes mortos para quatro.

É o terceiro atententado terrorista no país desde quarta-feira da semana passada, quando um ataque deixou 15 mortos perto de um centro de combate à poliomielite. Nesta terça-feira, 19, um homem-bomba detonou explosivos ao passar por uma patrulha policial em rota que levava ao Afeganistão, deixando 11 mortos.

Mais conteúdo sobre:
Paquistão Twitter Afeganistão

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.