Ataque em região central da Síria deixa 11 mortos

Onze pessoas, a maioria cristã, foram mortas em um ataque feito por homens armados na região central da Síria, nas informações da agência de notícias estatal do país e de um grupo de ativistas, divulgadas neste sábado, 17.

Agência Estado

17 de agosto de 2013 | 13h30

A agência Sana descreveu o episódio como um "massacre". Ativistas dizem que muitos dos mortos eram militantes pró-governo que operavam em postos de controle. Dos mortos, nove eram cristãos, segundo o Observatório Sírio para os Direitos Humanos, com sede em Londres.

O ataque ocorreu na madrugada deste sábado em uma estrada que liga os vilarejos cristãos de Ein al-Ajouz e Nasrah, na província central de Homs. Os cristãos, que representam 10% da população síria, dizem ser particularmente vulneráveis à onda de violência que varre o país há mais de dois anos. Muitos rebeldes, sunitas em sua maioria, consideram os cristãos simpatizantes do regime do presidente Bashar Assad. Fonte: Associated Press.

Tudo o que sabemos sobre:
Síriaataques

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.