Ataque israelense a comboio mata 6 e fere 16 no Líbano

Um veículo aéreo não tripulado israelense lançou mísseis contra um comboio de refugiados fugindo dos ataques na cidade de Marjayoun na noite desta sexta-feira, matando pelo menos seis pessoas e ferindo outras 16, afirmou um fotógrafo da Associated Press.Lutfallah Daher, o fotógrafo, estava com o comboio quando ele foi atingido próximo à cidade de Chtaura, no Vale do Bekaa, cerca de 50 quilômetros ao norte do Rio Litani, abaixo do qual Israel havia alertado que atacaria qualquer veículo nas estradas, assumindo que este estaria carregando armas ou combatentes do Hezbollah.Ele contou seis corpos que foram levados ao necrotério do hospital em Jobb Jannine. Houve registros de mais duas mortes, mas Daher não foi capaz de confirmá-las.Daher disse que o comboio consistia, ao partir dos arredores de Marjayoun, de mais de 600 veículos civis e de outros carregando um destacamento de 350 soldados libaneses e policiais. Segundo ele, pouquíssimos veículos haviam deixado o comboio quando ele foi atingido. Imagens ao vivo da cidade de Hasbaya, ao norte de Marjayoun, na TV libanesa mostraram carros, vans e caminhões passando encostados uns nos outros por pelo menos uma hora.Daher vive em Marjayoun e estava fugindo com o comboio junto com sua mulher em um carro. Sua mãe, irmão, cunhada e seus filhos estavam no carro de trás, mas nenhum deles foi ferido.Dois veículos pacificadores das Nações Unidas teriam que ter acompanhado o comboio, disse Daher, mas não estavam presentes quando as forças israelenses em Marjayoun deram ao comboio a permissão para ir para o norte. Tanques e infantaria israelense tomaram conta da cidade na quinta-feira.A região ao redor de Marjayoun foi atingida ininterruptamente por aviões e militares israelenses durante e depois do avanço israelense.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.