Ataque por engano mata nove policiais no Afeganistão

Nove policiais afegãos foram mortos e cinco ficaram feridos em um ataque aéreo das forças internacionais no sudoeste do Afeganistão, anunciaram as autoridades locais neste domingo. Os choques ocorreram na província de Farah, nas primeiras horas do dia, quando tanto os policiais quanto os soldados da Organização do Tratado do Atlântico Norte (OTAN) confundiram a outra parte com rebeldes do Taleban, afirmou o vice-governador da província, Mohamed Yunus Rasuli. "O Exército Nacional Afegão pediu apoio às Forças Internacionais de Assistência à Segurança da OTAN, que bombardearam o posto policial, matando os nove agentes e ferindo outros cinco?, afirmou. Rasuli acrescentou que o chefe da polícia da província encontra-se entre os feridos e seu estado é grave. O comandante da polícia para o setor ocidental do Afeganistão, Ikramuddin Yawar, disse que enviou uma equipe à região para dar início às investigações. O ataque por engano acontece no segundo dia da visita do candidato democrata à presidência dos Estados Unidos, Barack Obama. O candidato viajou ao oeste do país, próximo à fronteira do Paquistão, para ver de perto a região onde as tropas americanas sofrem com a crescente onda de violência contra seus soldados.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.