Ataque rebelde deixa pelo menos nove mortos em Uganda

Supostos rebeldes atacaram uma aldeia remota no nordeste de Uganda, causando a morte de pelo menos nove pessoas, informaram autoridades locais neste sábado. Os rebeldes do Exército de Resistência do Senhor atacaram Amimir, 300 quilômetros a nordeste de Kampala, na quinta-feira, forçando a fuga dos moradores, disse Ndiwa Chemasuet, um funcionário local. A insurgência do Exército de Resistência do Senhor já dura 17 anos.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.