Ataque suicida deixa pelo menos 17 mortos no Afeganistão

Pelo menos 17 pessoas morreram nesta terça-feira, 10, entre elas 12 crianças, em um atentado suicida cometido em um mercado da província de Uruzgan, Afeganistão. Outras 30 pessoas ficaram feridas no ataque. O suicida detonou a carga explosiva que levava em um mercado do distrito de Deh Rawood, no sudoeste de Uruzgan e fronteiriço com as províncias meridionais de Helmand e Kandahar. O chefe da Polícia provincial, Mohammed Qasim, disse que além das vítimas afegãs, ocidentais também teriam sido feridos. A Força para a Assistência à Segurança (Isaf), sob comando da Otan, emitiu um comunicado avaliando o número de vítimas do atentado em seis mortos e 20 feridos, entre eles sete soldados e duas crianças. O governo afegão confirma a morte de 17. O porta-voz do comando regional sul da Isaf, Mike Smith, disse que o ataque foi cometido por milicianos extremistas do Taleban.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.