Informação para você ler, ouvir, assistir, dialogar e compartilhar!
Tenha acesso ilimitado
por R$0,30/dia!
(no plano anual de R$ 99,90)
R$ 0,30/DIA ASSINAR
No plano anual de R$ 99,90

Ataque suicida em Cabul mata 2 soldados dos EUA

Homem detonou carga explosiva que carregava em seu veículo; há ao menos 12 feridos

Efe,

17 de janeiro de 2009 | 06h03

Pelo menos dois soldados americanos morreram neste sábado, 17, e outros 12 ficaram feridos quando um suicida detonou a carga que levava em seu veículo diante da embaixada alemã e de uma base militar das tropas dos Estados Unidos em Cabul.   Segundo um comunicado do comando americano, a explosão aconteceu às 9h45 (3h15, Brasília) perto da base de Camp Eggers.   O porta-voz do Ministério da Saúde afegão, Abdullah Fahim, confirmou à Agência Efe o número de vítimas mortais e elevou a 23 o número de feridos.   "Este incidente só fortalecerá nossa resolução coletiva de perseguir com agressividade as redes do inimigo antes que possam ferir afegãos inocentes ou as forças da coalizão", disse o coronel Jerry O'Hara, porta-voz das tropas dos EUA, segundo a nota.   As forças de segurança isolaram a região do ataque e iniciaram uma investigação para esclarecer o ocorrido.   Em novembro, quatro pessoas morreram e outras 15 ficaram feridas em um atentado suicida perto da embaixada americana em Cabul.   Pouco antes, em julho, 58 pessoas, entre elas dois diplomatas, morreram em uma explosão com carro-bomba perante a embaixada da Índia no centro da capital afegã.

Tudo o que sabemos sobre:
AfeganistãoatentadoataqueCabul

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.