Informação para você ler, ouvir, assistir, dialogar e compartilhar!
Tenha acesso ilimitado
por R$0,30/dia!
(no plano anual de R$ 99,90)
R$ 0,30/DIA ASSINAR
No plano anual de R$ 99,90

Ataque suicida mata dois soldados no Afeganistão

Integrante de milícia entrou vestido de policial em base militar e detonou explosivos

Efe

10 de março de 2010 | 02h40

Dois soldados da Força Internacional de Assistência à Segurança (Isaf) morreram e vários ficaram feridos em um atentado suicida no leste do Afeganistão, informou a Otan em comunicado.

 

O atentado aconteceu nesta terça-feira à tarde em um recinto utilizado pelas tropas da Isaf e pela Polícia fronteiriça afegã na conflituosa província oriental de Khost, afirmou a organização.

 

"As informações iniciais indicam que um suicida detonou as bombas que carregava e matou dois membros da Isaf, ferindo outros vários", informou a Otan, sem especificar a nacionalidade dos soldados mortos.

 

O atentado foi reivindicado pelos talebans. Um porta-voz do grupo disse à agência afegã AIP que um membro de suas milícias entrou vestido de policial na base da zona de Babrak Tana, onde detonou os explosivos que carregava.

 

Na última semana de dezembro de 2009, sete agentes da CIA morreram em um ataque suicida realizada por um agente duplo jordaniano na base Chapman, também na província de Khost, na fronteira com o Paquistão.

Tudo o que sabemos sobre:
milíciatalebanIndonésiaPaquistão

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.