Ataques aéreos matam 55 militantes da Al-Qaeda no Iêmen

Em torno de 55 militantes da Al-Qaeda foram mortos após ataques aéreos no sul do Iêmen no domingo, informou nesta segunda-feira o site do Ministério do Interior.

Reuters

21 de abril de 2014 | 14h11

O site citou fontes dos serviços de segurança na província de Abyan, segundo as quais entre os mortos estravam três líderes da organização.

(Por Mohamed Ghobari)

Tudo o que sabemos sobre:
IEMENALQAEDAATAQUE*

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.