Ataques aéreos matam pelo menos nove na Síria

Um ataque aéreo do governo sírio próximo a uma escola em um bairro controlado por opositores na cidade de Alepo matou pelo menos nove pessoas, incluindo cinco crianças, de acordo com ativistas.

Estadão Conteúdo

12 de abril de 2015 | 09h42

O Centro de Mídia de Alepo e o Observatório de Direitos Humanos disseram que o ataque atingiu o bairro de Ansari. A violência ocorre dias depois que bombardeios rebeldes e ataques aéreos do governo mataram mais de 30 pessoas nos dois lados da cidade. Alepo está dividida entre áreas controladas pelo governo e pelos rebeldes.

Ainda segundo os ativistas, o total de mortos ainda pode subir, já que muitas pessoas ficaram feridas em estado grave.

Também neste domingo, o chefe da agência das Nações Unidas para apoio aos palestinos visitou refugiados do campo de Yarmouk em Damasco. Os palestinos deixaram Yarmouk, onde fortes ataques vem ocorrendo desde que o Estado Islâmico invadiu o distrito há uma semana. Fonte: Dow Jones Newswires.

Tudo o que sabemos sobre:
Síriaviolência

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.