Ataques com granadas ferem 15 pessoas no Quênia--mídia

Cinco pessoas foram feridas em um ataque com granada em um restaurante lotado na cidade costeira de Mombasa, Quênia, neste sábado, informaram a mídia local e uma fonte da polícia, após uma outra explosão mais cedo ter ferido 10 pessoas nos arredores da cidade.

REUTERS

31 Março 2012 | 17h56

A mídia local e a polícia disseram que a primeira explosão foi provavelmente uma granada que explodiu em um encontro religioso em Mtwapa, próximo a Mombasa, mas ainda não havia confirmação oficial.

O país no leste africano tem sofrido uma série de ataques de granada desde que enviou tropas além da fronteira com a Somália para lutar contra os rebeldes Shabaab.

Mombasa é um popular destino de férias e muitos quenianos e estrangeiros planejam ir para lá durante o feriado de Páscoa.

No começo do mês a polícia queniana prendeu quatro pessoas após um ataque de granadas em um estação de ônibus em Nairóbi atribuída a extremistas islâmicos somalis, mas depois os soltou sob liberdade condicional até o fim das investigações.

(Por Duncan Miriri e Humphrey Malalo)

Mais conteúdo sobre:
GERAL QUENIA EXPLOSAO*

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.