Reprodução/Google Maps
Reprodução/Google Maps

Ataques do grupo terrorista Taleban deixam 15 policiais mortos no Afeganistão

Foram dois ataques na região de Sar-e-Pul, no norte do país

Redação, O Estado de S.Paulo

01 de janeiro de 2019 | 05h54

Um oficial do Afeganistão afirma que o grupo terrorista Taleban lançou dois ataques devstadores no norte do país, na província de Sar-ePul, matando 15 membros das forças de segurança afegãs. 

Em um dos ataques, nos arredores da capital da província, artilharia pesada foi utilizada pelas forças afegãs contra os terroristas, fazendo com que moradores do local fugissem em busca de segurança. 

O chefe do conselho provincial, Mohammad Noor Rahmani, diz que, além dos 15 policiais mortos, há, ainda, 21 feridos, no ataque que aconteceu nesta última segunda-feira. Segundo ele, tiroteios foram registrados na região por várias horas no distrito de Sayyad e do lado de fora de Sar-ePul, a capital da província. 

O porta-voz do Taleban Qari Yousof Ahmadi reclamou autoria por ambos os ataques. 

O grupo terrorista tem realizado ataques quase que diários mirando forças do Afeganistão, mesmo com esforços dos Estados Unidos de tentar negociar o fim da guerra, que já dura 17 anos no país. 

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.